Com a mão na cumbuca !

Revista Flash nº25

O Presidente do Supremo Tribunal Federal foi pego com mão na cumbuca.   Um fiscal do trabalho encontrou funcionários do Ministro em sua Chácara sem registro e à margem de qualquer direito trabalhista, sessenta anos após a edição da CLT.

 

Indagado se pretendia ingressar com ação na Justiça do Trabalho, um dos caseiros disse que o “Dr. Maurício era gente muito boa” e que tinha de agradecer ter um emprego.      Inacreditável que o mais vociferante defensor do Poder Judiciário, guardião da Lei, se recuse a aplicá-la aos humildes dentro de sua própria casa.

Só para ilustrar.  Este funcionário não terá direito à aposentadoria, ou qualquer auxílio do INSS, dependendo da caridade do seu “bemfeitor” por não Ter registro em sua CTPS.

Ricardo Azevedo Leitão