O Lucro dos Bancos I

Revista Flash nº2

O Perito Judicial, José Luiz Ferreira do Val,  de São José do Rio Preto, veio explicar em palestra na FIESP, os argumentos que tem informado aos juízes, pelos quais considera ilegal a maioria das tarifas bancárias bem como as taxas de juros, com base no descumprimento de portarias do Banco Central.  Os correntistas têm se utilizado do Poder Judiciário para verificar estas cobranças que passam desapercebidas, mas que tem engordado o lucro dos bancos, enquanto diminuem o patrimônio dos correntistas.  O Judiciário tem estado atento aos excessos dos Bancos e em todos os pareceres deste perito os Bancos são obrigados a devolver as quantias, além dos juros considerados ilegais.

 Os bancos têm partido para uma composição na maioria dos casos,  segundo informa o Perito Judicial, uma vez que não querem a manifestação de Tribunais Superiores criando jurisprudência sobre o caso.   Enquanto poucos reclamam na justiça, os bancos ganham dos muitos que pagam sem reclamar.